Paulo Fonseca fez o que ainda ninguém tinha feito ao Man. City

Abelardo Nogueira
7 Dezembro, 2017

Com sua legião de brasileiros, o Shakhtar Donetsk ganhou por 2 a 1 - gols de Bernard e Ismaily para os ucranianos -, em Kharkiv, na Ucrânia, e passou de fase na competição. O argentino Aguero bateu e converteu.

Com o resultado, o Shakhtar chega a 12 pontos e se classifica às oitavas de final na segunda posição do Grupo F, atrás do líder Manchester City, que fica com 15 pontos. Com antecipação, asseguraram a ida ao mata-mata os seguintes times: Barcelona, Bayern de Munique, Besiktas, Cheslea, Manchester City, Paris Saint-Germain, Tottenham e Real Madrid. Só restou ao lateral esquerdo brasileiro completar para o gol vazio.

Os confrontos das oitavas serão definidos por sorteio, que ocorre na próxima segunda-feira (11) —cada líder de grupo enfrenta obrigatoriamente um vice-líder. O atacante, ex-Atlético Mineiro e xodó de Felipão na Copa de 2014, recebeu, cortou para o meio e chutou colocado no ângulo esquerdo.

No segundo tempo, os dois times pouco quiseram jogar e quase nada de bom aconteceu.

O SSC Nápoles que tinha de vencer o Feyenoord e esperar por uma derrota do Shakhtar foi derrotado por 2-1. Quase porque nos acréscimos o Manchester City conseguiu o seu gol.

Escalação do Manchester City: Claudio Bravo; Danilo, Kompany, Mangala e Delph; Fernandinho, Gundogan e Yayá Touré; Bernardo Silva, Zinchenko e Gabriel Jesus. O português fez um golaço na vitória do Real por 3 a 2 contra o Borussia Dortmund e se tornou primeiro jogador da história a marcar em todos os seis jogos da fase de grupos da Liga dos Campeões.

Mais artigos por OlimpiaDasRio

Deixe um comentário sobre o artigo

Ação