Nova vitória para Trump: aprovada proibição de viagem

Evaristo Furtado
5 Dezembro, 2017

A Suprema Corte dos Estados Unidos garantiu nesta segunda-feira, dia 4, uma vitória ao presidente Donald Trump ao permitir que entre plenamente em vigor seu veto migratório a pessoas de seis países da maioria muçulmana enquanto as disputas legais continuam em andamento em cortes inferiores.

A corte, com o voto contrário de dois dos nove juízes, atendeu o pedido do governo para suspender duas ordens impostas por tribunais inferiores que haviam parcialmente bloqueado a proibição, que é a terceira versão de uma política polêmica que Trump buscou implementar já uma semana depois da sua posse. A proibição entra em vigor de imediato.

Com a decisão da Suprema Corte, a proibição vai agora entrar totalmente em vigor para pessoas tentando entrar nos EUA de Irã, Líbia, Síria, Iêmen, Somália e Chade.

Os autores da ação argumentaram que a medida contra os muçulmanos viola a Constituição dos Estados Unidos e não cumpre com os objetivos de segurança assinalados pelo governo.

Os juízes disseram esperar que as cortes de apelação acelerem suas decisões, deixando aberta a possibilidade de que a medida volte à Suprema Corte em outro questionamento legal à Casa Branca.

A proibição de entrada foca principalmente em viajantes dos seis países mencionados, mas também abarca pessoas da Coreia do Norte e alguns funcionários de alto escalão da Venezuela.

O tribunal de San Francisco deve examinar o caso na quarta-feira, e o de Richmond prevê fazê-lo na sexta.

Mais artigos por OlimpiaDasRio

Deixe um comentário sobre o artigo

Ação